quarta-feira, 7 de agosto de 2019

“BRILHO ETERNO DE UMA MENTE SEM LEMBRANÇAS” É EXIBIDO NA EDIÇÃO DE AGOSTO , DO CINE GERAR.

Na edição de agosto o Cine Gerar traz o filme “Brilho eterno de uma mente sem lembranças” para sua programação. 

"A obra americana, de 2004, conta a história de Joel Barrish e Clementine Krzucinski, um casal que, depois de conflitos em que se ofendem mutuamente, decidem solicitar os serviços de Lacuna, empresa médica que oferece um tratamento para apagar memórias indesejadas. “Brilho eterno” explora a natureza da memória e do amor, e a sua função na humanização dos seres humanos. Através do relacionamento de Joel e Clementine o filme constrói, gradualmente, uma reflexão madura e provocadora sobre complementaridade, escolhas e responsabilidade. Essa jornada pelas próprias lembranças é também um processo de autoconhecimento e de amadurecimento emocional", comenta a psicóloga Roberta Barbosa, que facilitará a discussão após a exibição do filme.

O Cine Gerar é um projeto que acontece mensalmente e tem como objetivo utilizar o audiovisual como ferramenta facilitadora na discussão de temas da atualidade. Através do convite à imersão no filme escolhido pelos organizadores o projeto visa, ainda, estimular a reflexão, de forma coletiva, e o olhar para o entrecruzamento da história nos temas pessoais de cada participante da sessão. 

ATENÇÃO: O filme escolhido tem classificação indicativa de 12 anos e será exibido em formato legendado. 

O evento é aberto a todas e todos. 

Ingresso: R$ 10,00 . Não é preciso inscrição prévia. 

SERVIÇO:

CINE GERAR -  4A EDIÇÃO - AGOSTO 2019

DATA: 28 DE AGOSTO (ÚLTIMA QUARTA-FEIRA DO MÊS)

HORA: 18H30

INGRESSO: R$ 10,00 

MAIS INFORMAÇÕES: 9.9432-5589 (Roberta Barbosa) | 9.9685-3296 (Rodrigo Lira)


SINOPSE (extraída do site http://www.adorocinema.com):

Joel (Jim Carrey) e Clementine (Kate Winslet) formavam um casal que durante anos tentaram fazer com que o relacionamento desse certo. Desiludida com o fracasso, Clementine decide esquecer Joel para sempre e, para tanto, aceita se submeter a um tratamento experimental, que retira de sua memória os momentos vividos com ele. Após saber de sua atitude Joel entra em depressão, frustrado por ainda estar apaixonado por alguém que quer esquecê-lo. Decidido a superar a questão, Joel também se submete ao tratamento experimental. Porém ele acaba desistindo de tentar esquecê-la e começa a encaixar Clementine em momentos de sua memória os quais ela não participa.




Confira o trailer: